sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Leveza

Deixar o medo entrar,
Servir um chá com biscoitos
Buscar assunto, falar do tempo.

Deixar o medo abrir,
uma a uma,
todas as gavetas.

Olhar os gestos teatrais do medo
jogando no meio da sala
todos os seus segredos,
e os papéis de bala, bilhetes, cartas, ingresso de cinema, mecha de cabelos, postais, velhos endereços.

Desdenhar do medo,
servir outra xícara de chá,
mudar de assunto,
falar do tempo.

Abrir a porta para o medo partir,
atear fogo aos restos de toda uma vida,
expostos no chão da sala,
e sorrindo lembrar
que o medo também morre.

13 comentários:

Chorik disse...

Lindo, lindo, lindo. Posso levar para o meu blog?

Í.ta** disse...

tudo o que chega, vai. com o medo tem de ser assim também. ficaram bonitos teus versos.

beijos.

Leti Montenegro disse...

Incrível!!!! Delicado e forte... Não sei bem ainda como comentar, estou na sensação...

Eliana Mara de Freitas disse...

Chorik,

mi blog, tu blog!

Besos.

Mauro disse...

Ah! O medo e eu somos velhos conhecidos, tem até um quartinho aqui em casa só para ele!
Beijos "desmedidos".

Eliana Mara de Freitas disse...

Ita,

gosto de você por aqui. E estou devendo visita na tua casa.
Perdoe a ausência.
Estou em tempos de estréia nuns palcos. Quem sabe conto depois, por aqui e coloco fotos...
Beijos

Eliana Mara de Freitas disse...

Leti,

você, que está mergulhando na força da poesia, me alegra e honra chegando aqui, toda sensação.
Vem logo, pra gente fazer farra de café e poesia.
Não estou mais longe...
Vou pra mais perto do coração selvagem, você sabe...
Beijos

Eliana Mara de Freitas disse...

Mauro,

posso conhecer teu quartinho do medo?
Podemor rir dele?

Beijos,

Maria Muadiê disse...

Eliana, reabriu a casa! Ufa, pensei que eu tinha sido barrada!

Meu medo mora numa mansão.
Belo poema o seu.
Pedido de leveza, num dia em que a vida me parece bem pesada.
um beijo

M. disse...

Nossa, servir chá para o medo! Muito bom mesmo! Bjs

Gerana Damulakis disse...

Bonito, E. Já acabei a leitura de todos. Estou esperando uma horinha com calama para escrever um e-mail.

Lidi disse...

Lindo, Eliana. Lindo. Bjs

Isis Dias disse...

Lindo...