segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Dança

Para R.G.

Na primeira vez em que ouvi a sua voz, ao telefone, ele me disse: "Você é minha menina". Quando eu nasci, ele era um garoto inseguro. No meu primeiro aniversário, a família mudou-se toda para o Rio de Janeiro. Parece que eu, ainda engantinhando, recebi dele o primeiro beijo. Minhas mãos estão frias. O cabelo não ficou do jeito que eu queria. Esta roupa é totalmente inadequada e eu sempre soube que não deveria estar com sapatos novos, porque usar sapatos novos já é um grande desafio. Meus pés reclamam. Só ouço meu coração aceleradíssimo. Ele adora superlativos e está entrando agora, neste exato momento em que escrevo e não sei o que fazer.

11 comentários:

ana k. disse...

uau.

Eliana Mara Chiossi disse...

Uau, Ana, que saudades.
Você muito longe das nossas conversas é como ter de usar sapatos novos para longas caminhadas.


Beijos!

RG disse...

Não sei quando me dei conta que parte de mim busca a "minha menina". Meu beijo vagava na busca da mulher-criança, madurérrima. De repente se faz presente a ninfa que ainda engatinha e sente sensações de mel.
E, desse mel, saboreio o pulsar acelerado de corações que se procuram.
eu

Marcelo Nascimento disse...

São as melhores sensações que podemos sentir
aproveite esse momento.


Minha querida saudades de você.
bjz no seu coração

em.dor.fina disse...

Gosto muitão das tuas palavras. Você e Aeronauta compõem a minha segunda oração do dia.

Maria Muadiê disse...

Fiquei foi curiosa...

Eliana Mara Chiossi disse...

Maria Muadiê Marta:

fiquei foi super feliz pelo nosso encontro presencial hoje.
Um presente do dia.
Coisas assim, delicadas e novas acontecem quando a gente decide morar na blogosfera.
A-mei!
E vamos ao café, semana que vem!
Beijos

Eliana Mara Chiossi disse...

Em.dor.fina

Coisas da vaidade, mesmo, mas adorei ler isso que você escreveu.
Vou gravar no meu caderninho!

Beijos!

em.dor.fina disse...

Os elogios tanto nos envaidecem quanto nos fazem crescer.
Grave, sim, essas palavras.

Forte abraço!

Anônimo disse...

sempre e bom sair com "RG"rs rs
Marcia

Mário Lúcio disse...

Gostei muito, sou aluno na Uniritter., quando puder visita o meu blog mariobossanova.blogspot.com. O encontro do dia 19 ( palestra é um termo que não te agrada né?)foi como um mapa. Revi alguns conceitos meus e descobri uns atalhos que eu insistia em não ver pelo preconceito encalacrado na minha alma de "senhor".
Parabéns...