quarta-feira, 18 de março de 2009

Exercício frutal 1

O momento em que a casca da laranja está sendo retirada, é a morte ou a vida? Se o futuro da laranja é seu bagaço, seria o seu futuro feito de nada? Após o uso, único, do que encobre sua casca, fica a laranja partida ou esculpida no ar? Seria um escalpo sua casca, no momento de dor e desonra? Pensar a laranja como um objeto simples é vê-la em sua última morada, que é o caos da louça suja.

5 comentários:

telma disse...

Ai Li, o seu carinho com as palavras me emociona vc é delicada e romantica, te adoro viu ? eu sou suspeita pra falar mais e daí sou sua fã mesmo e acabou .beijão

Renata Belmonte disse...

Adorei a sua presença! Tá gostando do livrinho?
Bjs

ediney disse...

sou da laranja o que volta para a terra

Chorik disse...

Só tu mesmo para exercitar a escrita com o escalpo da laranja. Aguardo ansioso o exercício frutal 2, com o abacaxi e seu miolo.
Bjão

aeronauta disse...

Muito bonito! Lembrei-me demais de Francis Ponge!