domingo, 28 de outubro de 2007

Antes

Não quero que seja hoje, antes. Mas perco o domínio desse desejo fraco. Trago o amanhã . Eu o vejo chegar nos meus pensamentos de antecipação. Levo meu corpo para ontem e imediatamente me desiludo. Sei que lá não existe mais. Ontem é feito apenas de minhas insistências. Meu corpo se estica até o amanhã, fato fisicamente comprovado pela presença visível da gastrite. Esta dor no alto da cabeça é o amanhã que colei ao dia que ainda não está fechado. Hoje é domingo. E sempre será meia segunda-feira.

3 comentários:

mari celma disse...

Eu já achava o domingo significado para tédio, agora com esse novo conceito de metade segunda feira, o dia tornou-se ainda mais indesejavel!

Ly disse...

Domingo em geral já vem com instruções de descanso....
Obrigada linda pela tua visita...Vi no teu perfil que é da Bahia......minha mãe é daí....e amo este povo pq é tb meu de alguma forma, aliás adoro uma rapadura...feliz estou eu de ter encontrado teu espaço. Adoro as coisas do troblogdita...temos mto em comum...bjs

Ly

Amélie disse...

Fiquei encantada com teu espaço, com a maneira como organiza o que sente.

Voltarei mais vezes, vou linkar pra não perder o rumo!

Um beijo e boas vibrações sempre.