sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Momento confessional

7 comentários:

LÍVIA NATÁLIA disse...

Lindo! Vou assistir a este filme tão comentado...Quanto a saúde, vou lembrar de vc hoje lá, pra onde eu vou e onde vc sabe.

Um beijo!

Mauro. disse...

Bom filme é aquele que nunca deixa de ser projetado na nossa mente, e emoção tem que ser como a degustação um bom sorvete, não pode ser interrompida no meio.

Noslen ed azuos disse...

Oi amiga 'de já uns tempos', fico feliz de ler vc inteira e forte...só o nome do filme já é lindo, bjs

ns

Ludmila Rohr disse...

...só pra dizer que estive aqui. Sempre estou por aqui..

ass. A procrastinadora.

André Setaro disse...

Sua admiração por mim, pessoa irascível, me comoveu. Gosto de ler seus posts, bem escritos, sensíveis.
E um filme somente termina quando o último fotograma se apaga da tela. A ascensão dos créditos também faz parte da 'mise-en-scène', mas as pessoas, afoitas e insensíveis, dado o desenlace da fábula, procuram logo as portas de saída da sala exibidora.

Chorik disse...

Sinto falta dos cinemas de São Paulo, onde podia assistir meus filmes europeus e asiáticos. Por aqui é só made in hollywood, e dublado ainda.
Invejinha de não poder assistir com você e poder comentar depois, tomando um goró.
Bj

Bárbara Jolie disse...

Hanami é um filme maravilhoso, talvez um dos melhores que eu tenha assistido. Ficou mais de um mês em cartaz e mesmo assim a sessão cinema estava cheia. Tive que sentar ao lado de desconhecidos, talvez isso tenha me deixado ainda mais emocionada. É uma linda mensagem de amizade, amor e carinho. Sim, isso tudo renova! Beijo